Milena Brito – Escritora & Divulgadora da Jovens Escritores Brasileiros

“Aos dois anos comecei a criar histórias e aos seis descobri a paixão pela escrita quando ganhei meu primeiro Concurso de Redação. A partir daí não parei mais de escrever”

“O objetivo é único, conseguir atenção para os autores nacionais e, consequentemente, conseguir aumentar o interesse da população, não só pela escrita, mas também pela cultura do nosso país”

” Não consigo, de maneira alguma, escrever uma história sem algo diferente. Sempre apelo para algo que saia da normalidade.

 

A ação e o empreendedorismo dos jovens em todos os cantos do planeta são admiráveis.
Quando conhecemos o nosso convidado, ficamos satisfeitos com sua força e iniciativa, ela não quer encontrar sucesso na solidão, quer fazer seus colegas e colegas, escritores conhecidos e dar a conhecer seu maravilhoso talento.

17 anos, em abril, faz 18 anos, jovem escritor, youtuber, modelo bonito, empresária, diretora de “Jovens Escritores Brasileiros” e desde hoje nosso amigo, amigo de todos vocês.

É uma honra apresentar do Rio de Janeiro – Brasil, para Milena Brito. Aqui nossa entrevista:

 

*******************************************************************

Entrevista a Milena Brito en Español – clic aquí

*******************************************************************

 

 

Milena Brito

1.- Milena, bem vinda ao Peru, estamos muito felizes em ter você aqui conosco. Vamos começar por você, seus hobbies e tudo aquilo que te faça sorrir e te dê alegria. Comente da sua cidade e da sua história.

Moro no Rio de Janeiro, uma cidade grande do Brasil, com praias e diversos pontos turísticos, uma cidade bem turística. Minha história começa no dia 30/04/2000 quando nasci. Aos dois anos comecei a criar histórias e aos seis descobri a paixão pela escrita quando ganhei meu primeiro Concurso de Redação. A partir daí não parei mais de escrever. Com 4 livros publicados, tenho diversos em andamento, pois não há nada que eu ame mais do que escrever.

 

 

2.- Milena, você é um jovem escritor e você cumpre uma extraordinária tarefa espalhando maravilhosas obras de muitos escritores como você. Quando Milena decide compartilhar sua inspiração como escritora? Como foi a ideia de participar no Movimento Jovens Escritores Brasileiros?

R: Senti que deveria mostrar aos outros minhas obras quando meus familiares e as noções superficiais sobre meus livros já não me satisfazia mais, comecei a ver que queria que outras pessoas conhecessem minhas obras e me dissessem o que acham.

R: A ideia do MOVJEB surgiu de uma legenda para uma foto. Quando percebi que muitos não tinham chance de expôr seus trabalhos e serem reconhecidos pelo que são e pelo que fazem, assim, eu resolvi criar o movimento, com tal nome devido à minha idade, mas para todos, para que, de maneira gratuita, possa ajudar a divulgar os tão amados autores nacionais.

 

 

3.- En 2017 Milena publica 02 obras en Amazon “Atiradores” y “Agente 200″ . 2018 en Wattpad publica”Complementares o Sol e a Lua” Qual é a satisfação de um escritor para ver que seus filhos literários serão conhecidos?

R: É um sonho e uma realização pessoal. Acho que, para qualquer autor, esse é um patamar que se faz de tudo para alcançar. Ver seu trabalho, o que você deu tempo e suor para fazer, sendo reconhecido, é uma satisfação que não sei pôr em palavras.

 

 

4.- O suporte fornecido a escritores maravilhosos tem um canal no YouTube: “Total Red”. Você se tornou um comunicador. Como você se sentiu quando gravou um vídeo pela primeira vez no Youtube? Qual é o objetivo de médio e longo prazo do Movimento Jovens Escritores Brasileiros?

R: Eu me senti extremamente envergonhada. Apesar de ser apenas eu e a câmera, o medo de falar algo errado ou então de parecer muito boba, foi tanto que eu não conseguia agir como ajo normalmente, tão leve quanto se a câmera não estivesse ali.

R: O objetivo é único, conseguir atenção para os autores nacionais e, consequentemente, conseguir aumentar o interesse da população, não só pela escrita, mas também pela cultura do nosso país. Quanto mais interesse pela cultura, mais chances aos que aqui tentam ser fora da curva terão.

 

 

5.- É verdade que “uma pessoa nasce como escritora, mas deve aprender a técnica, pratica constantemente?

R: A técnica que eu, como escritora, acho que um autor deve ter é o domínio, mínimo que seja, da ortografia. Muitos escrevem de maneira que foge aos padrões da norma culta e isso, muita das vezes dificulta a transmissão e compreensão da mensagem. Já sobre a prática, um escritor que goste, ame o que faça, prática nunca será demais.

 

 

6.- Milena, qual você crê que seja a principal qualidade  de uma pessoa que gerencia um site ou uma pessoa que quer ter um canal no YouTube.? Você crê que todos podemos ser blogueiros e todos podemos ter um canal no youtube? Muitos jovens que começam a espalhar suas obras literárias criando um blog, certo?

R: Acho que que ser desinibido. Quando se tem a vontade de dar a cara a tapa, nada pode nos parar, vamos longe e mesmo com as portas que se fecham, achamos uma janela por onde continuarmos.

R: Acho que qualquer um pode começar um trabalho desses, eu mesma nunca imaginei que um dia me tornaria uma blogueira, youtuber, tudo que sou hoje. Basta ter força de vontade.

R: Muitos usam tal meio de comunicação para a divulgação, mas nem todos se ligam nesta forma ou então não têm uma boa relação com tais meios.

 

 

7.- Milena qual é a importância da internet  para escritor  e sua divulgação fora de seu próprio país?

R: Hoje em dia, com a internet, a chance de conseguirmos divulgar nossas obras. Isso facilita o tráfico de informações e aumenta nossa área de contato. Dentre vários pontos negativos e positivos, a ajuda que a internet pode disponibilizar aos autores, a divulgação é o que mais se destaca.

 

 

Jaime William Milena Brito

8.- Como você gosta de interagir com seus seguidores? Qual é sua rede social favorita?

R: Eu gostaria de poder falar com todos, tirar todas as dúvidas e dar a atenção que eu gostaria que os que eu sigo, me dessem.

R: Pode-se dizer o facebook. Acho que é o local mais fácil de se conseguir atenção e seguidores, mais até que o Instagram (minha segunda rede social favorita).

 

 

9.- Qual é a marca (selo pessoal, estilo) da Milena como jovem escritor ,  comunicador e como ser humano?

R: Não sei bem, mas na escrita, eu tenho um defeito (ao menos considero um defeito). Não consigo, de maneira alguma, escrever uma história sem algo diferente. Não consigo escrever um romance apenas, um casal ou uma história sem alguma coisa diferente, sem armas, coisas sobrenaturais ou sangue. Sempre apelo para algo que saia da normalidade.

 

 

10.- Você pensa que existe abuso no uso das redes sociais pelos profissionais e pelos usuários? O que você acha que deve ser considerado ilegal ou que não deve ser permitido na rede?

R: Acho que existe, eu mesma, acabo por trabalhar demais, seja escrevendo, divulgando ou traduzindo, por ter a facilidade de fazer isto a qualquer hora e em qualquer lugar.

R: Acho que deveria ser proibida a maneira com que algumas pessoas de alma pobre falam para pessoas que tentam a vida dando a cara a tapa. Muitos não tem a força de vontade que é precisa para se tentar e acabam por tentar puxar para baixo os que tentam, e fazem isso das maneiras mais sujos e pesadas que possamos imaginar. Eu mesma já passei por isso.

 

 

11.- Qual a sua opinião sobre redes sociais como Facebook, Twitter e Google começarem a combater os comportamentos abusivos e sites de notícias com notícias falsas (fakes)?

R: Acho que é uma maneira de controlar e incentivar aqueles que tentam. É uma maneira de correr atrás de um mundo melhor e de um lugar sem invejas como essas.

 

 

12.- As redes sociais como Instagram e Snapchat crescem dia a dia, redes sociais jovens. A que atribui esse êxito?

R: O interesse das massas jovens. Quanto mais interesse, mais fácil de crescer.

 

 

13.- Qual é a sua opinião sobre cada vez mais, milhares de jovens terem no Youtube uma forma de mostrarem seu talento?

R: Acho que é uma maneira de incentivo, pois, quanto mais fácil de se mostrar, mais fácil de obter reconhecimento, uma vez, que em nosso mundo, reconhecer um talento alheio e passar por cima do medo de tentar fazer o que este talento faz, é algo quase impossível de se ver.

 

 

14.- Como você vê a situação da mulher no mundo, onde cada vez mais ocupam cargos mais altos em empresas e governos em todo o mundo?

R: Acho que nós mulheres estamos conseguindo reconhecimento e empoderamento. Isso se deve à força de vontade e o fato de sermos destemidas. Muitas autores, nos dias atuais, gostam de mostrar tal empoderamento e ajudam também para que ele ocorra.

 

 

Milena Brito escritora brasil15.- As diferenças sociais e econômicas (no mercado de trabalho) entre homens e mulheres no Brasil diminuíram? Você sente que vocês, mulheres, são mais reconhecidas? O que falta?

R: Não posso dizer que não houve mudança, mas ainda há uma disparidade muito grande por motivos que não devem ser considerados.

R: Acho que, devido ao fato de que não costumamos estar em cargos altos, quando conseguimos tal chance, o reconhecimento e admiração são maiores, pois muitos sabem que para estarmos onde estamos, passamos por um longo e difícil caminho.

R: Acho que ainda falta sensibilidade da parte de todos, das mulheres e dos homens.

 

 

16.- O que te motiva e pelo que se sente grata todos os dias?

R: O que me motiva é um futuro que sempre almejei, pensar que se continuar indo atrás e me disponibilizando como faço, um dia posso alcançar. Já quando se trata de gratidão, sou grata à todos que chegam e me impedem de desistir, principalmente, minha família, pai e mãe, que sempre me incentivaram a mostrar o que tenho dentro de mim.

 

 

17.- Você tem uma frase ou lema que pratique todos os dias?

R: Por incrível que pareça, não. Mas pode-se dizer que sou adepta ao “viva um dia de cada vez”.

 

 

18.- A quem você admira?

R: Admiro diversas pessoas, mas há uma que está em primeiro lugar. Meu avô, que apesar de tantas dificuldades, não se rendeu às podridões do mundo e hoje, vive bem, da maneira que sempre quis e sonhou.

 

 

19.- Que lugares você gostaria de conhecer no Peru?

R: Gostaria muito de conhecer a capital e Matchu Pitchu. A capital por conta de um campeonato de patinação artística que nela aconteceu e Matchu Pitchu por conta da história e cultura que lá existem.

 

Milena Brito Divulgadora

 

 

20.- O que diria aos jovens que são muito talentosos, porém que não têm coragem de dar o próximo passo?

R: Errem, mas errem muito, pois só errando que irão se aproximar do acerto.

 

 

21.- O que diria aos pais que não apoiam o talento e vocação de seus filhos?

R: Queridos pais, prestem atenção em suas crianças, muitos nascem com talentos que se apagam com o tempo por falta de incentivo e estímulo, muitas das vezes, dos pais. Se seus filhos têm esse talento, não deixe que escape, isso é raro em um mundo conformista como o nosso.

 

 

22.- Por último, uma saudação aos seus seguidores no Brasil, no Peru e no continente inteiro.

R: Caros interessados na cultura, sejam fortes, tentem e tentem, levem nãos, ouçam ignorâncias… Isso é o que nos garante que estamos chegando lá. Não podemos desistir, pois aí, os que tanto fazem para que a cultura morra, ganham.

Mais uma vez agradeço sua atenção e interesse em mim e no movimento, significa muito. Obrigada!

 

 

** Muito obrigado Milena por nos conceder parte de você, sua experiência, energia e juventude. Temos certeza de que, com essa mesma alegria e entusiasmo e muita perseverança, você conseguirá todos os sonhos que você tenha. Estamos a seu comando quando você precisar. Saudações Rio de Janeiro, Brasil abraços.

 

 

 

 

Você pode encontrar, seguir e conversar com Milena em:

 

 

Facebook-Entrevistas

Milena Brito Autora

Instagram-Entrevistas

Milena PB

Milena Brito Oficial

youtube logo canal

Total Red 

Facebook-Entrevistas

Jovens Escritores Brasileiros

Facebook-Entrevistas

Grupo : Jovens Escritores Brasileiros

Milena Brito – Escritora & Divulgadora da Jovens Escritores Brasileiros
Valoración !!!

No Responses